Notícias

Preconceito contra tatuagens pode começar a diminuir no Japão a partir de 2020

O Japão está determinado a acabar com o preconceito contra tatuagens antes de Tokyo 2020.

Com a vinda de muitos atletas e espectadores estrangeiros ao Japão, os donos de fontes termais, piscinas, academias estão sofrendo pressão para recebê-los de braços abertos.

Internet Móvel

No Japão existe o costume de julgar uma pessoa tatuada como membro da Yakuza, a máfia japonesa, mas esta visão está começando a mudar. Os membros mais atuais da Yakuza estão adotando cada vez menos as tatuagens.

Do outro lado, o mundo está aceitando as tatuagens como arte corporal e estilo de vida. Muitos países no ocidente já adotaram a prática, com pessoas famosas aparecendo tatuadas em público sem grandes problemas.

Os tempos são outros, a própria sociedade japonesa também espera entregar os membros da facção na sociedade. São pelo menos 50 mil yakuzas que precisam se integrar a sociedade.

Os Jogos Olímpicos de 2020 oferecerão ao Japão o momento perfeito para remover as proibições contra a tatuagem.