Comportamento

5 sinais que podem indicar a longevidade de um relacionamento

Você provavelmente conhece algumas pessoas que, depois de se casarem ou namorarem por algum tempo, ficaram parecidas com seus pares. Isso acontece porque dividir a vida com alguém que se ama é uma experiência realmente intensa, e é bastante comum que pessoas que estejam juntas há algum tempo comecem a pensar de maneira parecida, fazendo parte de um processo chamado “mente compartilhada”, que define a sintonia do casal.

A seguir, confira algumas características cientificamente comprovadas de casais que dividem características relacionadas à própria mente:

Internet Móvel

1 – Linguagem própria

Essa é fácil de reconhecer: se aquelas mensagens trocadas entre você e a pessoa amada são compreendidas apenas por vocês dois, já é bom indicativo. Ter uma comunicação diferente com determinada pessoa é um dos primeiros sinais de que suas mentes estão sincronizadas. A linguagem própria do casal fortalece os laços e ajuda a criar uma identidade em comum.

2 – Fim da autocensura

Em situações sociais comuns, com amigos, familiares e colegas de trabalho, tendemos a filtrar o que dizemos, por uma questão de adequação social. Diante de um parceiro romântico, no entanto, a tendência é falar e agir natural e espontaneamente.

3 – Vocês ficam fisicamente parecidos

Em sua famosa pesquisa, publicada em 1987, o psicólogo Robert Zajonc concluiu que integrantes de um casal ficam parecidos um com o outro, com o passar do tempo, porque os dois usam os mesmos músculos frequentemente e, pouco a pouco, começam a se espelhar um no outro. Em psicologia, isso é chamado de estrutura cognitiva compartilhada.

4 – Vocês falam de forma parecida

Como tudo vai virando um pouco mais do mesmo, até o ritmo da fala das duas pessoas apaixonadas pode ficar sincronizado. Para a psicologia, isso é chamado de “contágio emocional”, que é o que acontece quando pessoas ficam muito tempo juntas e começam a sincronizar padrões de discurso.

5 – Aquelas piadinhas que só vocês entendem

Quanto mais um casal está sintonizado, mais seus integrantes conhecem a respeito um do outro e gostam do que conhecem. Inconscientemente, cada pessoa vai mudando à medida que conhece mais o outro, e chega um ponto em que o casal realmente desenvolve uma identidade de comunicação própria, quando cada um entende os gestos, a postura, as palavras e as frases ditas pelo outro. Nesse ponto, surgem as piadinhas que só os dois entendem e que quem vê de fora acha ridículo – e sente um pouquinho de inveja também.