Comportamento

Japão e seus inúmeros edifícios estreitos

Além das inúmeras ruas estreitas, ao andar pelo Japão, especialmente em grandes centros, nos deparamos com uma grande variedade de edifícios estreitos. Muitos deles, parecem sanduíches prensados entre dois edifícios maiores. Essa foi uma maneira que os japoneses encontraram de sobreviver em meio à escassez de espaço.

Por causa da falta de espaço urbano, qualquer pequeno terreno é usado para construir prédios, mesmo os mais improváveis. Como um dos exemplos, temos esse prédio abaixo, localizado em Nagasaki. Eu acredito que se não for o mais estreito, está entre os mais estreitos no Japão. Parece uma folha de concreto, de tão fino.

Internet Móvel

Tempos atrás, mencionei em um post sobre o Flatiron, um prédio localizado em Youkaichi, Shiga.

Dependendo do ângulo, o prédio passa a impressão de ser super fino. Isso acontece porque ele foi construído em um terreno triangular, entre a bifurcação de duas ruas. No Japão, prédios ou casas construídos em terrenos triangulares não são incomuns.

Veja esse outro exemplo abaixo… o proprietário soube usar muito bem esse pequeno espaço entre outras duas casas. E olhando a casa por dentro, temos a falsa impressão que tem um espaço até considerável. Muito legal não é mesmo?

casas estreitas no Japão

Outro que chama a atenção é este edifício em Harajuko, Tóquio. Na verdade trata-se de uma cafeteria chamada Barista Pro Shop. Que tal tomar um cafezinho?

O problema é quando acontece um terremoto. Por serem tão estreitos passam a impressão de serem bem inseguros não é? Enfim, existem áreas em Tóquio e outras metrópoles japonesas que é tudo tão apertado que alguns prédios de apartamento nem garagem tem, precisando recorrer às garagens com elevadores.

casas estreitas no Japão

Fonte: Japão em Foco