Nacional

10 razões para amar as lojas de conveniência japonesas

Depois que vamos ao Japão e conhecemos as lojas de conveniência japonesas, os famosos Konbini, pensamos: Como foi que consegui viver até aqui sem essas maravilhas? Trata-se realmente de um caso de amor à primeira vista. E existem infinitas razões para isso… Vou listar algumas delas:

10 razões para amar os Konbinis

1. Estão por toda parte

Principais Konbinis no Japão

Internet Móvel

Em qualquer lugar podemos encontrá-las e às vezes até mais de uma em uma mesma quadra. Seja nas áreas urbanas ou em lugares mais afastados, sempre vai ter uma loja de conveniência perto de você. E elas são uma mão na roda quando precisamos de alguma coisa de última hora.

Estima-se que há em torno de 50 mil lojas de conveniência espalhadas por todo o arquipélago. E as principai redes são: Seven Eleven, Lawson, Family Mart, Circle K, Sunkus, Ministop, AM PM, Save on, Daily Yamazaki, Coco e outras franquias menores como Heart in, Seicomart, Spar, etc.

2. Funcionam 24 horas por dia

É muito bom saber que temos um lugar assim, à nossa disposição, 24 horas por dia, 365 dias do ano (incluindo fins de semana e feriados). Bom, especialmente para quem trabalha em diferentes turnos nas fábricas e precisam comprar suco, comida, lanche, etc, mesmo se for às 3 horas da manhã.

3. Oferecem uma grande variedade de produtos

Depois que você conhece uma loja de conveniência japonesa, você percebe que a ideia que tinha de uma loja desse gênero estava totalmente equivocada. No Brasil, as lojas de conveniência costumam vender poucos produtos, isso quando não se limita a apenas bebidas e cigarros.

Já os konbinis, esses sim podem ser chamadas de “lojas de conveniências”, em razão da comodidade e praticidade que nos oferecem. Lá encontramos comidas prontas (obentôs), onigiri, (bolinhos de arroz com alga), pães, biscoitos, doces, chocolates e bebidas de todos os tipos.

E não é só isso… Encontramos também artigos de papelaria, como lápis, caneta e cadernos, pilhas, baterias, CDs, guarda-chuvas, produtos de higiene pessoal, desodorantes, comida para pet, caixas de lenços de papel (tissues), pratos e talheres descartáveis, revistas, mangás, etc.

Também podemos comprar cartões telefônicos, cosméticos, artigos de beleza, medicamentos básicos, tais como aspirina, analgésicos, máscaras e band-aids e até peças de roupa como camisetas, meias e pasmem… até cuecas e calcinhas. Vai que um dia a gente precise, não é mesmo? rs

4. Oferecem os mais variados tipos de serviço

Os konbinis oferecem vários tipos de serviço, mostrando que levam a palavra “Conveniência” muito à sério. Podemos tirar xérox, escanear documentos, mandar fax, etc… Também podemos revelar fotos que estão em nossa câmera fotográfica, celular ou qualquer outro dispositivo portátil.

Outros serviços incluem: recarga de celulares ou cartões de crédito pré pagos, venda de ingressos para shows, eventos em geral, parques de diversão, cinema, passagens de ônibus, etc. A maioria também tem caixa eletrônico ATM onde podemos sacar ou fazer depósitos de dinheiro.

5. Um lugar onde podemos pagar contas

No Brasil, quantas vezes precisou pagar uma conta urgente e ao chegar no banco ou lotérica já estava fechado? No Japão, podemos pagar a maioria das contas tais como água, luz, gás, telefone, internet, celular, etc no próprio Konbini… E podemos pagar na hora que quisermos, pois ficam abertas 24 horas pro dia. Só não pode deixar passar o prazo de vencimento, é claro… (^_^)/!

6. Oferecem o serviço de entrega de pacotes e correspondência

Os Konbinis também oferecem serviços como “correios”, onde você pode comprar selos e postar cartas e encomendas. Também oferece o serviço de “Takyubin”, um sistema de entregas muito popular e bem mais barato para enviar encomendas para qualquer outro endereço no Japão.

Podemos inclusive, providenciar o envio de nossa bagagem com segurança para o aeroporto quando vamos viajar. Isso é muito bom e nos dá muita comodidade, especialmente se vamos de trem ao aeroporto. É um sofrimento ter que ficar carregando (arrastando) um monte de malas.

7. Um lugar onde leitores fanáticos de revistas são bem vindos

Nos Konbinis em geral, tem um prateleira recheada de revistas de todos os tipos, como revistas de mangá, revistas de celebridades, entre muitas outras, incluindo revistas de cunho erótico. E é comum vermos muitas pessoas, especialmente homens, folheando as revistas numa boa. Muitos fazem do konbini, uma espécie de biblioteca e não é incomum saírem de lá sem levar uma única revista.

8. Disponibilizam banheiros públicos gratuitos

Quem nunca precisou usar o banheiro de um konbini que atire a primeira pedra!!! É muito bom saber que podemos contar com esses banheiros na hora em que precisarmos de um. E o melhor de tudo, é que na maioria das vezes os banheiros estão limpinhos e sempre tem papel higiênico disponível.

9. Oferecem o serviço de compras online aos clientes

Na maioria dos Konbinis, como Seven Eleven, Lawson, Family Mart, Mini Stop, tem máquinas especiais que permitem fazer compras em lojas online. Basta utilizar a máquina que oferece esse serviço, fazer todo o procedimento e voilá… a máquina emite um boleto ou um papel com o código de barras.

Daí, é só ir no caixa e pagar a compra… Lembrando que cada konbini tem máquinas com um sistema próprio para fazer as compras. O Lawson por exemplo, usa um sistema chamado Loppi, que emite boleto. Já o Seven Eleven e o Mini Stop, usam outro sistema e emite um papel com o código de barras.

10. Disponibilizam Wi-fi de graça

Tá, eu sei que muitos locais no Brasil também oferecem sinal Wi-fi para os seus clientes. Mas na maioria das vezes, é preciso ficar pedindo senha para alguém que trabalha no estabelecimento ou quando não é necessário, o sinal é tão ruim que quase não conseguimos navegar na internet.

Já nos konbinis que tem Wi-fi, o sinal é muito bom e podemos ficar navegando na internet enquanto tomamos um café preparado na hora no konbini ou enquanto comemos um obentô dentro do carro (esqueci de dizer que os kobinis tem micro-ondas para aquecer lanches e obentôs).

Viu só porque o Konbini acaba sendo indispensável para as pessoas que vivem no Japão? E outras coisas que esqueci de mencionar são a organização e a hospitalidade das lojas de conveniência japonesas. É muito bom entrar em uma e escutar um sonoro Irashaimase!! (Seja bem vindo!)

Seria bom se no Brasil tivéssemos lojas de conveniência como as do Japão ao nosso dispor não acha? Qual sua opinião sobre as Convenience Stories do Japão? Concorda com tudo no post? Teria mais alguma coisa para acrescentar? Deixe um comentário, para eu saber a sua opinião!!! \(^_^)/

Fonte: Japão em Foco