Nacional

Monotrilhos suspensos no Japão

A tecnologia e o funcionamento do sistema ferroviário no Japão é coisa de outro mundo. E um que acho bem legal são os trens suspensos, pois eles dão a possibilidade de ver a cidade de cima. Dá a impressão de que o trem está de ponta cabeça e gera uma sensação diferente do que quando andamos em um trem comum.

Nos faz sentir como se estivéssemos voando suavemente por cima das árvores, ruas, pessoas, carros, congestionamento, etc. Outra sensação indescritível é poder contemplar a paisagem em volta por um ângulo diferente, sem as barreiras de concreto que muitas vezes nos impedem de ver, como as montanhas ao redor.

Mas de que maneira esses trens ou monotrilhos como são chamados, conseguem ficar assim suspensos, sem o risco de cair? A resposta é simples: Uma tecnologia avançada em que são usados imãs.

Chiba Urbano Monorail

Internet Móvel

Boa parte desses trens foram construídos utilizando um sistema conhecido como Maglev, na qual o trem fica ligeiramente suspenso da via pela ação de magnetos, o que elimina a redução da velocidade causada pelo atrito com os trilhos.

Uma das maiores vantagens desses tipos de monotrilhos é que eles poupam espaço urbano, ainda mais no Japão, que como sabemos sofre com a falta de espaço. Outra grande vantagem é que os monotrilhos suspensos ajudam a desafogar os trânsito nas grandes vias terrestres, reduzindo o congestionamento nas horas de pico.

urban-flyer

Além de ocuparem pouco espaço urbano, eles são mais atrativos que os sistemas elevados convencionais. São também menos ruidosos e conseguem se deslocar, virar e subir mais facilmente do que os trens convencionais.

Embora, possa não parecer, esses trens são mais seguros, tem menos riscos de atritos, de descarrilar e por serem elevados, não há riscos de choques com pessoas e veículos em trânsito terrestre.

A estrutura de uma ferrovia elevada é também mais barata e mais fácil de ser construída do que uma subterrânea por exemplo, como o dos metrôs. Por essas e por outras é que eu acho esse sistema o máximo e seria muito bom se as grandes metrópoles no Brasil como São Paulo, por exemplo pudessem ter sistemas de monotrilhos suspensos como esses. Seria bom, não seria gente?!

Trens Suspensos mais conhecidos no Japão

Atualmente, o Japão opera cerca de 10 sistemas de monotrilho e é provavelmente o país com o maior números de monotrilhos do mundo. Entre eles, três linhas em especial batem um recorde mundial: o Ueno Zoo Monorail, por ter sido o primeiro em um zoológico, o Tokyo Monorail por ser o mais movimentado e bem sucedido do mundo e o Chiba Urban Monorail, por ser o mais longo do mundo.

Abaixo citarei sobre cada um desses, incluindo o Shonan Monorail, em Kanagawa, que embora não tenha batido nenhum recorde, é um meio de transporte de extrema importância para quem mora nas redondezas de Tóquio e Kanagawa.

Monotrilho suspenso do Zoológico de Ueno

Além de ter sido o primeiro monotrilho suspenso no Japão, o Ueno Zoo Monorail foi também o primeiro monotrilho instalado dentro de um zoológico no mundo. Começou a funcionar em 17 de dezembro de 1958, com o objetivo de transportar passageiros dentro do parque. Funciona somente nos dias em que o parque está aberto e a viagem, que parte a cada 7 minutos, faz um percurso de apenas 300 metros, levando apenas 90 segundos. A tarifa custa 150 ienes.

Ueno Zoo Monorail

Monotrilho suspenso de Tóquio

Monotrilho de Tóquio foi inaugurado em 1964, para coincidir com os Jogos Olímpicos de Verão e ganhou o recorde como o monotrilho mais movimentado do mundo, transportando cerca de 100 milhões de passageiros anualmente. O percurso oferece uma visão privilegiada da Baía de Tóquio e custa ¥ 470.

Faz parte do Haneda Line, com um total de 11 estações, conectando o aeroporto de Haneda até a estação de Tokyo Minato. Foi construído pela empresa Hitachi Monorail e os primeiros carros foram feitas no Japão seguindo o design alemão ALWEG, o mesmo usado no Monotrilho de Seattle e da Disneyland.

Depois foram sendo substituídos por modelos mais novos em 1969, 1977, 1982 e 1989. São seis carros no total (Series 1000 e 2000) e a velocidade média é de 45 km/h, podendo chegar a 80 km/h. Como foi projetado para levar passageiros ao Aeroporto, os carros tem espaço extra para bagagens de mão.

Monotrilho de Tóquio Haneda

Monotrilho suspenso Shonan em Kanagawa

Monotrilho Shonan começou a operar no dia 7 de março de 1970 e foi o primeiro monotrilho urbano suspenso no Japão. Ele liga as cidades de Kamakura e Fujisawa, em Kanagawa, na qual faz um percurso de 6,6 km, levando em média 14 minutos de viagem, contando da Estação de Ofuna até a Estação Enoshima.

Ao todo são 6 paradas e o monotrilho “Enoshima Line” é operado pela empresa Shonan Co.Ltd. Esse sistema operacional foi baseado no Sistema francês Safege. Desde 1970, o Shonan opera impecavelmente e é um importante meio de transporte para os moradores locais, que moram nos arredores de Tóquio.

Monotrilho suspenso Shonan

Monotrilho suspenso Chiba Urban

O Chiba Urban “Townliner” já está em atividade desde 28 de março de 1988 e tem o percurso com maior extensão do mundo. São duas linhas que totalizam 15,2 km, com o objetivo de conectar várias estações até o centro de Chiba. Foi construída pela empresa Mitsubishi Co.Ltd com o sistema Safege, igual ao Monotrilho Shonan.

A linha 1 faz um percurso de 3,2 km de múltipla pista, conectando as estações de Chiba Minato e Kencho-mae, em um intervalo de 4 estações entre os terminais. Já a Linha 2 conecta a estação de Chiba até a Estação Chishiro-dai, com 11 paradas intermediárias no percurso 12,0 km de múltipla faixa entre os terminais.

Chiba_monorail_train
Chiba Urban Flyer
Um novo monotrilho suspenso batizado de Chiba ‘Urban Flyer’ começou a operar em julho de 2012. Com ares futurísticos e porte elegante, esse monotrilho tem as cores azul e preta e possui janelas bem maiores, incluindo piso transparente para que passageiros possam desfrutar da vista da cidade sem quaisquer barreira.

Com tecnologias avançadas, o monotrilho ‘Urban Flyer‘ permite aos usuários a verdadeira sensação de flutuar no ar. É por isso que ganhou o apelido de Monotrilho Urbano Voador. Além de fazer as pessoas se sentirem como pássaros, esse incrível monotrilho também é um importante meio de transporte na região.

Monotrilhos no Japão

Chiba Urban Flyer
Assista esses vídeos e veja como é a sensação de andar em um monotrilho suspenso:

Fontes de pesquisa:
Wikipédia Monotrilhos no Japão (em inglês)
Chiba Monorail (Urban Flyer)

Fonte: Japão em Foco