Culinária

O que os japoneses comem no café da manhã?

Asagohan (café da manhã tradicional japonês) é bem diferente do ocidental. Os alimentos que o compõe, são praticamente os mesmos do Hirugohan (almoço) e Bangohan (jantar). Ele é composto por alimentos nutritivos e de fácil digestão tais como arroz branco, misoshiru, legumes em conservas e peixe grelhado.

Para a maioria dos japoneses esta é a refeição mais importante do dia pois além de dar energia e manter o corpo bem nutrido e saudável, ajuda a melhorar a concentração no trabalho ou estudo. Conhece aquele ditado: Café da manhã de Rei, Almoço de Príncipe e Jantar de mendigo? É mais ou menos assim que acontece no Japão.

Internet Móvel

Embora o Asagohan venha perdendo a força, especialmente entre os jovens que tem aderido cada vez mais à alimentação ocidental, muitas famílias japonesas não abrem mão de forma alguma do bom e tradicional Asagohan.

Para nós estrangeiros pode parecer um hábito difícil de seguir, pois temos outros costumes alimentares, mas confesso que adoraria ser adepta do Asagohan, pois acredito ser bem mais saudável que o pão francês.

Uma sugestão para quem quer experimentar um bom e tradicional café da manhã japonês é pousar em um ryokan (hotel tradicional japonês). Neste local você poderá vivenciar este e muitos outros costumes japoneses, inclusive vestir-se com vestimentas como yukata e usufruir de banhos em onsens.

O principal alimento que compõe o Asagohan, sem dúvida nenhuma é o arroz branco, chamado de Shirogohan (白ご飯) ou Hakumai (白米). Os acompanhamentos podem variar, mas normalmente são: Misoshiru (sopa de miso), Tsukemono (legumes em conserva), uma porção de peixe grelhada, Tamagoyaki (omelete japonesa), Natto (soja fermentada), etc.

Alimentos típicos do Asagohan

 Shiro gohan (Arroz Branco) – Esse não pode faltar, mas às vezes é substituído por Okayu (mingau de arroz) por ser mais fácil de digerir.

 Misoshiru (Sopa de Miso) – Normalmente é usado ingredientes como hondashi, miso, tofu, cebolinha, algas wakame, aburaage (tofu frito), etc.

 Natto (soja fermentada) – Trata-se de um alimento bastante consumido no Japão e apesar de ser repleto de vitaminas e minerais, possui um odor bem forte e peculiar e por isso não agrada a todos os paladares.

 Tsukemono (legumes em conserva) – Além de ser aperitivo, serve também para limpar o paladar. Entre os mais consumidos estão o umeboshi (umê em conserva), gari (gengibre em conserva), entre outros.

 Nori (folha de alga seca) – A alga nori é rica em cálcio, ferro, vitamina A, B e C, além de conter 2 vezes mais proteína do que algumas carnes.

 Tamagoyaki (omelete japonesa) – Muito popular na culinária japonesa, este prato é uma ótima fonte de proteína.

 Peixe grelhado – Normalmente uma pequena porção de peixe assado ou grelhado como salmão, atum, robalo, cavalinha, entre outros.

 Sunomono – Salada agridoce de pepino (Deliciosa e refrescante)

 Ryokucha (Chá verde) – Esta bebida acompanha praticamente todas as refeições dos japoneses e existe vários tipos.

Fonte: Japão em Foco